segunda-feira, 15 de março de 2010

Esperança e escolha

Lembrando uma entrevista dias após ter voltado para CG. Grazi, estou esperando a que você fez e manda o arquivo para publicar aqui!
 
De pé - Pode acontecer daqui a cinco ou dez anos, mas a jornalista Ana Paula Cardoso, de 26 anos, prometeu a si mesma que um dia trocará a cadeira de rodas por muletas. “Tenho confiança que vou me recuperar. Digo a Deus que seja feita a sua vontade, mas Ele também conhece a minha. E quero voltar a andar”, afirma, com fé, esperança e determinação.

Repórter da emissora Record em Campo Grande, Ana Paula sofreu um acidente em fevereiro deste ano, na rodovia GO-225, entre Pirenópolis e Brasília. A viagem de férias foi interrompida quando o veículo em que ela estava capotou. “Lembro do capotamento e que os meus braços travaram ainda dentro do carro, um sinal da lesão na medula”, recorda.
 
Entretanto, o problema só foi descoberto no terceiro hospital. “Disse que não sentia nada do pescoço para baixo. E o médico falou que estava tetraplégica. Minha irmã conta que chorei, mas não me lembro”, relata sobre impacto da notícia. Com o diagnóstico correto, ela passou por cirurgia e deu início ao tratamento na rede Sara Kubitscheck.
 
O fato de não ter sofrido ruptura na medula renova a esperança de voltar a andar. A recuperação é em longo prazo, pois a medula demora dois anos para desinchar.
 
Depois de dez meses, é tempo de comemorar vitórias: como a sensibilidade, antes restrita até os ombros, já se estender pelos braços ou poder ficar sentada na cama sem a proteção de travesseiros, pois a volta do equilíbrio impede que o corpo tombe.
 
Ana Paula, que voltou para a casa, em Campo Grande, no dia 14 de dezembro, conta que o dinheiro arrecadado com a campanha de doações será aplicado na adaptação do banheiro e na compra de uma cadeira de rodas que se adapte melhor ao seu tamanho. Pela frente a rotina é árdua e dispendiosa, com sessões de fisioterapia, natação, musculação. Mas Ana Paula não já não cogita mais desistir. “É preciso paciência, tolerância, perseverança e fé em Deus”.

No início de 2010, o sonho a ser realizado é voltar para a redação. “Quero voltar logo. São dez meses de férias. Não aguento mais”, diz Ana Paula.

(texto Aline dos Santos – Cgnews)

Com o coração apertado, mas pensando com a razão adiei os planos de voltar para o jornalismo diário. É preciso muita disciplina com a reabilitação e ela está tomando todo o meu tempo, o que é muito bom!!! Enquanto isso estou me atualizando com uma pós a distância. Espero voltar logo para a redação.

Paz e Bem!

3 comentários:

Anônimo disse...

Enquanto isso, na redacao do blog da Ana... :))) Como vc esta? Pelo visto ocupadissima! Isso e muito bom, faz a gente dormir melhor :D Tudo tem seu tempo lindona... aposto que o seu trabalho tmb sente a sua falta! Mas vamo que vamo!
Johny mandou abracos!!!
Beijos enormes!

Aline e Johnny

Blog da Grazi disse...

mandei meu texto pro seu e-mail!
xero, fia

Anônimo disse...

estou com muitas saudades de voce. dia 30/08 vai demorar muito. se conseguir te visito antes. beijão do primo Renato Pinto.